Santa Cruz: a marca paulistana de cachaça que quer conquistar Portugal

  • Publicado 3 meses atrás

Destinada a pessoas que gostam de navegar por novos mares, quer em termos de matéria-prima quer partilhando experiências, a Santa Cruz tem como objetivo explorar os ventos favoráveis do destilado brasileiro.

Silvana Carminati, formada em Designer de Interiores, nunca alimentou o sonho de desenvolver sua própria marca de cachaça. Há dois anos, decidiu correr o risco e “cambar” – expressão náutica que significa mudar a direção -, incentivada pelo marido e por um cunhado português. Nascia assim a Santa Cruz, uma marca luso-brasileira de cachaça, com o objetivo de alcançar novos apreciadores da bebida dentro e fora do país.

A cachaça Santa Cruz é produzida e engarrafada na fazenda Boa Sorte, na cidade de Sacramento, Minas Gerais – uma parceria com os criadores da Cachaça Batista – e a distribuição é feita a partir do bairro de Mirandópolis,  em São Paulo capital. “A ideia inicial era montar uma loja de cachaças, começamos a pesquisar o mercado e optamos por desenvolver nossa marca própria”, disse Carminati.

Silvana e o marido Anderson, advogado há 20 anos, buscaram cursos e passaram a viajar conhecendo alambiques para compreender os meandros da indústria da cachaça. Sem nenhum legado familiar na produção de destilados, mas certos do potencial da categoria, fundaram a Cachaça Santa Cruz em 2021, como um empreendimento familiar, com mais dois primos.

Tudo começou quando Silvana recebeu em sua casa o cunhado português, em uma visita ao Brasil. Durante a estadia, ela e o marido foram levados a deixar os vinhos de lado, para agradar ao visitante que queria beber cachaça. Sem fazer desfeita, o casal, até então distante dos encantos do destilado brasileiro, redescobriu esse universo pelo paladar de seu parente luso.

“Meu pai e meu tio gostavam muito de cachaça, mas eu nunca havia me interessado, até ser convidada pelo meu cunhado português”. A experiência foi tão marcante que a família decidiu explorar a ideia de empreender com a categoria, unindo as tradições brasileiras e portuguesas.

A parceria transcendeu a amizade e se transformou em um negócio, no qual Silvana, o marido e os primos, Anderson Cavichio Zanqueta e Erik Cavichio Zanqueta, não só distribuem uma cachaça de qualidade, mas também celebram duas culturas através dessa bebida única.

O nome da Cachaça Santa Cruz e a imagem das estrelas que formam o cruzeiro do Sul, foram desenvolvidos pela própria Silvana para o rótulo da Santa Cruz, e são uma referência direta às navegações portuguesas e à história do Brasil.

Produtores investem em cachaça e gin

O primeiro produto lançado pela Santa Cruz Destilaria foi um blend. A Cachaça Santa Cruz Premium 5 anos é envelhecida por 3 anos em carvalho francês e 2 anos em amburana de primeiro uso. A amburana traz uma riqueza floral, enquanto a passagem no carvalho confere equilíbrio no dulçor até atingir a suavidade desejada.

“A Cachaça Santa Cruz Premium é um produto bem acabado, que agrada bastante. Temos recebido ótimos retornos de clientes que gostaram de apreciar nosso blend com charuto e vemos o potencial do produto nacional se desenvolver nessa área”,

comenta Silvana Carminati

A Cachaça Santa Cruz Clássica, por outro lado, remete aos aromas originais de cana-de-açúcar que vão muito bem em dose pura ou em coquetéis e caipirinhas. A destilaria também navega nas águas do gin. A empresa busca atender um conjunto crescente de consumidores, com o Gin Crux London Dry, destilado de cereais que leva 23 botânicos nativos e regionais, como limão cravo, louro, hortelã, lavanda e gengibre.

Gin Crux
Assim como outros produtores de cachaças, os criadores da Santa Cruz também diversificam a produção com outros destilados, como o gin Crux.

Ampliando os horizontes da Santa Cruz

Nos primeiros anos de vida, a Santa Cruz Destilaria focou principalmente no marketing boca a boca, estabelecendo contatos que permitiram levar a Cachaça Santa Cruz para locais pontuais na Austrália, Portugal e Alemanha.

Após essa fase inicial de aprendizado sobre a categoria e o mercado, a empresa está intensificando seus esforços para expandir a distribuição. Atualmente, os produtos da Santa Cruz Destilaria estão disponíveis para compras online no site da empresa e aqui no Mapa da Cachaça.

Os planos da Santa Cruz Destilaria, para os próximos anos, prevêem expandir a linha de produtos. A empresa já detém uma segunda marca registrada de cachaça e quer explorar o mercado para diferentes perfis de bolsos e paladares.

No futuro, a Santa Cruz Destilaria ainda planeja focar na internacionalização, levando a marca definitivamente para fora do Brasil. Silvana compartilha sua intenção de enviar a Cachaça Santa Cruz para Portugal, aproveitando a expertise do cunhado português na área de comércio, o que espera-se facilitar a entrada da marca no mercado europeu.

“Trabalhar com cachaça é prazeroso. Não é um produto que as pessoas fazem cara feia. Onde quer que você vá, as pessoas têm interesse. Elas gostam e querem entender, querem conhecer mais sobre cachaça. É realmente satisfatório”.

Contatos dos produtores

Perfil da Santa Cruz no Mapa da Cachaça

WhatsApp

Coleções

Uma seleção dos melhores artigos do Mapa da Cachaça em diferentes tópicos

Produção de cachaça

30 artigos

Envelhecimento de cachaça

15 artigos

História da cachaça

13 artigos

Como degustar cachaça

18 artigos

Coquetéis clássicos

14 artigos

Cachaça e Saúde

7 artigos

O melhor da cachaça no seu e-mail

Assine o Mapa da Cachaça

loading...